Vigilante é espancado e morto após atirar em homem, em Ananindeua

Rayner dos Santos estaria em fuga quando foi alcançado por um grupo de pessoas e morto, após atirar em Julio Giordano durante uma festa nas proximidades. Após atirar em um homem durante festa que ocorria em um clube localizado em Ananindeua, um vigilante, identificado como Rayner dos Santos Martins, foi encontrado morto no último domingo (5), há cerca de um quilômetro do evento, na avenida Independência, bairro do Coqueiro.

De acordo com informações da Polícia Militar (PM), Rayner teria se desentendido com Julio Giordano dos Santos, de 39 anos e, no meio da confusão, o vigilante teria disparado contra o homem no local da confraternização.

Ainda segundo as informações da PM, o vigilante estava em fuga quando teria sido alcançado e espancado por um grupo ainda não identificado.

No momento da agressão, a arma da vítima foi levada pelo grupo. Uma viatura do corpo de bombeiros foi acionada, mas, ao chegar ao local, os agentes constataram que Rayner já estava sem vida.
Julio Giordano foi encaminhado para o Hospital Metropolitano de Urgência e Emergência de Ananindeua, mas também não resistiu e morreu.

A Divisão de Homicídios (DPE) e a Polícia Civil seguem apurando o caso.

Use ← →para continuar navegando

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.