Vendedor de doce morre após ser baleado durante briga em bar na Zona Oeste do Rio

Tiro foi disparado por um policial militar. Wilson Viana Almeida chegou a ser submetido a um procedimento cirúrgico no Hospital Municipal Rocha Faria, mas não resistiu ao ferimento. Vendedor de doce morre baleado após confusão na frente de um bar, em Campo Grande
Um vendedor de balas morreu, nesta terça-feira (7), após ser baleado por um policial militar na noite do último domingo (5), durante uma confusão em um bar na Estrada Guandú do Sapê, em Campo Grande, Zona Oeste do Rio.
Wilson Viana Almeida foi atingido no pescoço. Ele chegou a ser submetido a um procedimento cirúrgico no Hospital Municipal Rocha Faria, em Campo Grande, mas não resistiu ao ferimento.
Segundo testemunhas, a confusão começou quando o PM tentou entrar armado no bar. Ao ser barrado pelos seguranças do local, uma briga generalizada se iniciou. Nas imagens da câmera de segurança é possível ver o momento exato da desordem.
Além de Wilson Viana, o chefe da equipe de segurança do bar, identificado apenas como "Serjão", também foi baleado na perna.
O policial, que estava de folga, foi conduzido à 35ª DP (Campo Grande). A 2ª Delegacia de Polícia Judiciária Militar (DPJM) investiga o caso.

Use ← →para continuar navegando

Redação

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.