Prefeitura de Cabedelo, PB, restringe acesso de embarcações na Praia do Jacaré a partir de janeiro

Prefeitura de Cabedelo, PB, restringe acesso de embarcações na Praia do Jacaré a partir de janeiro


Embarcações no local estarão proibidos das 16h às 18h. intenção é aumentar a experiência de contemplação do pôr do sol. Circulação de embarcações na Praia do Jacaré sofrerá alterações a partir de janeiro
A prefeitura de Cabedelo, na Grande João Pessoa, vai restringir o acesso de embarcações na Praia do Jacaré, a partir do dia 1º de janeiro. O tráfego e ancoragem de embarcações no local estarão proibidos das 16h às 18h. Segundo informações da Secretaria de Turismo da cidade, a medida foi tomada para que os turistas possam assistir ao pôr do sol ao som do bolero de ravel que é tocado no local nesse horário sem a interferência das embarcações no cenário.
Prefeitura de Cabedelo, PB, restringe acesso de embarcações na Praia do Jacaré a partir de janeiro
Prefeitura de Cabedelo/Divulgação
De acordo com o secretário de turismo de Cabedelo, Haenell Farias, foram colocadas algumas boias para delimitar o espaço que as embarcações não podem passar, das 16h às 18h. Essa nova regra não interfere na entrada dos turistas no local, que ainda permanece gratuita. A intenção é aumentar a experiência de contemplação do pôr do sol.
"A gente pede aos proprietários dessas embarcações que respeitem essa área, para que possamos ter uma espetáculo mais bonito, uma coisa mais organizada para o turista", disse o secretário.
O secretário informou que as regras já começam a valer no dia 1º de janeiro, por causa da quantidade de turistas que vão assistir ao primeiro pôr do sol do ano no local. Haenell ainda ressaltou que, para entrar no local, é preciso usar máscara e manter o distanciamento social, que são medidas que combatem a pandemia de Covid-19.
Prefeitura de Cabedelo restringe acesso de embarcações na Praia do Jacaré, a partir do dia 1º de janeiro
Krys Carneiro/G1
Vídeos mais assistidos do g1 Paraíba

Redação

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *