Polícia Civil e MPRJ fazem operação em 7 estados contra suspeitos de apologia ao nazismo

Polícia Civil e MPRJ fazem operação em 7 estados contra suspeitos de apologia ao nazismo


Segundo as investigações, grupo praticava e incitava crimes contra negros e judeus.
Reprodução
A Polícia Civil do RJ e o Ministério Público do Rio de Janeiro (MPRJ) prenderam nesta quinta-feira (16) duas pessoas na Operação Bergon, contra um grupo extremista que fazia apologia ao nazismo e disseminava ódio a negros e judeus em redes sociais.
Agentes saíram para cumprir quatro mandados de prisão e 31 de busca e apreensão no Rio de Janeiro, São Paulo, Minas Gerais, Rio Grande do Norte, Paraná, Santa Catarina e Rio Grande do Sul.
Em maio, José Raphael Tomas Zéfiro, foi preso em maio no Rio por envolvimento com o grupo.
A polícia apreendeu com José Raphael um computador, um telefone e quatro videogames. Na análise dos aparelhos, agentes da Dcav descobriram que ele mantinha contato com adultos e menores.
No celular, havia indícios sobre a existência de grupos de indivíduos que se autodeclaram nazistas, ultranacionalistas e nacional-socialistas, associados para praticar e incitar atos discriminatórios.

Use ← →para continuar navegando

Redação

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.