Piauí registra 10 casos de H3N2 e Teresina tem aumento de 400% em atendimento de síndromes gripais


Um dos casos é oriundo da cidade maranhense Timon, vizinha a Teresina, que foi encaminhado ao Piauí. Teresina registrou aumento de 400% na procura por atendimento para síndromes gripais
O Piauí tem, nesta quarta-feira (29), 10 casos confirmados de pessoas infectadas com o vírus H3N2, cepa da gripe que está provocando surtos epidêmicos em vários estados brasileiros e já registrou mortes em estados como a Bahia e Sergipe. Na capital, segundo o presidente da Fundação Municipal de Saúde, Dr. Gilberto Albuquerque, a procura de pessoas com sintomas gripais por atendimento nas unidades de saúde aumentou 400%.
Veja onde buscar atendimento para sintomas gripais em Teresina
A Secretaria de Estado da Saúde (Sesapi) informou que identificou 15 casos de síndrome gripal com resultado para Influenza A, sendo 10 casos (67%) do subtipo H3N2, quatro casos do Vírus Sincicial Respiratório-VSR (27%) e um caso de Rinovírus (0,6%). Ao todo, foram testadas 125 amostras de Swab no painel de vírus respiratórios.
Compartilhe esta notícia no WhatsApp
Compartilhe esta notícia no Telegram
Os 10 casos de síndrome gripal por H3N2 identificados nesses últimos dias são de Monsenhor Gil, Piripiri, Teresina e Timon. Do total de casos, são cinco pessoas do sexo masculino e cinco do sexo feminino, com faixas etárias que variam de 11 a 85 anos.
Pacientes esperam no chão por atendimento em UPA de Teresina
Anielle Brandão/TV Clube
Estado inicia testagem
De acordo com o secretário de Saúde, Florentino Neto, somente é possível a identificação da cepa H3N2 por meio da avaliação do painel viral.
Os exames realizados no Piauí são feitos no Laboratório Central (Lacen), testando 12 tipos de vírus: Adenovirus, influenza A e B, Rinovirus, bocavirus, enterovirus, parainfluenza 1, 2, 3 e 4b e vírus sincicial respiratório A e B. “O nosso laboratório de referência está equipado para atender a demanda”, destacou o secretário.
Segundo o gestor, a nova variante da Influenza, a H3N2, tem uma transmissibilidade alta. No entanto, a maioria dos casos apresentam sintomas leves, que podem ser tratados em casa, sem a necessidade de assistência médica.
Quando procurar atendimento médico
A orientação, segundo ele, é para a população procurar as unidades de saúde apenas em casos que apresentem sintomas como falta de ar, indisposição, que impossibilite as atividades normais, além de vômitos e diarreia.
O superintendente de Atenção à Saúde, Herlon Guimarães, disse que a Sesapi vai emitir uma alerta para todos os municípios sobre as variantes gripais que estão circulando no estado. Chamando atenção, principalmente, que idosos, gestantes e pessoas imunossuprimidos formam o público que requer maior atenção.
"Esse é um surto nacional e a tendência é que os casos devam crescer por conta da alta transmissibilidade. As medidas preventivas que servem para a Covid-19 também servem para essa síndrome gripal, como distanciamento social, uso de máscara, uso de álcool, além de evitar aglomerações", recomendou.
Pacientes esperavam atendimento no chão
A Unidade de Pronto Atendimento (UPA) do Promorar, Zona Sul de Teresina, ficou lotada na tarde dessa terça-feira (28) com casos de síndromes gripais. Alguns pacientes tiveram que esperar no chão pelo atendimento.
Hospital do Promorar registra lotação com pacientes com síndromes gripais
O mecânico Egídio Bezerra aguardava atendimento para a esposa desde 7h. Por volta das 15h, a paciente ainda não tinha sido atendida.
"Um sofrimento que não tem quem aguente. São muitos pacientes e poucos médicos. Todo mundo ali dentro com sintomas gripais", contou.
Pacientes esperam no chão por atendimento em UPA de Teresina
Anielle Brandão/TV Clube
Nos corredores da unidade, mais pacientes aguardavam em pé pelo atendimento. O aposentado Geraldo veio transferido do Hospital do Parque Piauí para a UPA, mesmo assim teve que esperar.
"Essa longa espera por atendimento é um descaso com a população. Olha que o meu pai foi classificado como prioridade", disse o Clésio.
UPA do Promorar lotada com casos de síndromes gripais
Anielle Brandão/TV Clube
O g1 procurou a Fundação Municipal de Saúde (FMS) para saber quais providências estão sendo adotadas para resolver o problema da lotação na UPA do Promorar. Em nota, a FMS informou que o aumento de síndromes gripais é comum com início das chuvas.
"A orientação da FMS é manter os cuidados de prevenção, uso de máscara, higiene das mãos e uso do álcool em gel. Com o aparecimento de sintomas procurar as UBS gripais", disse a Fundação.
Pacientes aguardam atendimento na UPA do Promorar
Anielle Brandão/TV Clube
Nesta quarta-feira (29), também foramregistrada longas filas, com pessoas esperança na calçada da UPA do Renascença, na Zona Sudeste de Teresina, para receber atendimento.
UBS para síndromes gripais
A Fundação Municipal de Saúde (FMS) informou que a cidade de Teresina possui quatro Unidades Básicas de Saúde (UBS) e o Hospital do bairro Monte Castelo, na Zona Sul, para o atendimento exclusivo de casos de síndromes gripais.
Esses atendimentos nas UBS são todos os dias, incluindo finais de semana e feriados, das 7h às 19h. No Hospital do Monte Castelo o atendimento é todos os dias 24 horas.
Na Zona Norte, o atendimento é feito na UBS Real Copagre; na Zona Leste, as pessoas podem procurar atendimento na UBS Planalto Uruguai; na Zona Sudeste o atendimento é feito na UBS Gurupi e na Zona Sul o atendimento é na UBS Parque Piauí, além do Hospital Monte Castelo que atende urgências e internação.
Leitos Covid lotados
De acordo com o painel Epidemiológico da Covid-19 no Piauí, que concentra as informações sobre a doença no estado, apenas dois hospitais públicos ainda estão recebendo pacientes para internação de Covid-19 e um deles estava com os leitos da Unidade de Terapia Intensiva (UTI) lotados.
O Hospital do Monte Castelo, dos 12 leitos clínicos nove estão ocupados e das 10 UTIs, todas estão ocupados. O outro hospital é o Doenças Tropicais Natan Portella que tem 11 leitos clínicos e dois estavam ocupados e dos 20 de UTI, 13 tinham pacientes. Os dados foram atualizados no último dia 20 de dezembro.
Confira as últimas notícias do g1 Piauí
VÍDEOS: Assista às notícias mais vistas da Rede Clube

Use ← →para continuar navegando

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.