Namorado simula abordagem da PM durante ceia de Natal e pede mulher em casamento em MT

Namorado simula abordagem da PM durante ceia de Natal e pede mulher em casamento em MT


Noivo foi abordado pelo polícia na casa da família e, durante revista, se ajoelhou e fez o pedido. Pedido de casamento é feito durante abordagem da PM em MT
Primeiro o susto. Depois a surpresa. Foi assim que o servidor público, Rubens, de 31 anos, planejou pedir a namorada, Luana Barcelos, de 27 anos, em casamento, no dia 25 de dezembro, durante a ceia de Natal, na casa da família dela.
Com a ajuda da prima e de uma tia de Luana, ele combinou com policias da base do município de Denise, a 208 km de Cuiabá, de fazerem uma "batida" (abordagem) na casa e, no meio do 'desespero, ele fez o pedido.
"Quando chegamos em Denise, fui até a polícia com a família dela para combinarmos deles irem na casa e simular uma abordagem", contou.
Homem pede namorada em casamento simulando uma abordagem policial
Arquivo pessoal
Pouco depois da meia-noite, a polícia chegou na casa perguntando a respeito de um carro branco. No caso, o veículo de Rubens, que estava estacionado na frente da residência. Na abordagem, ele chegou a ser algemado.
Em um vídeo gravado pelos familiares é possível perceber a confusão.
Segundo ele, Luana ficou em pânico. Isso significava que o plano estava dando certo. Então, Rubens pediu que a namorada fosse buscar a mochila para que ele pudesse mostrar os documentos aos policiais.
Quando ele voltou, os PMs tiraram as algemas dele e então, ele retirou a aliança da bolsa e fez o pedido.
Casal está noivo
Arquivo pessoal
Tudo foi minimamente calculado. Inclusive, ele teve que se ajoelhar para vasculhar a bolsa e, dessa forma, fez o pedido.
A família, que em parte, já sabia da surpresa, vibrou. No entanto, o mais feliz, segundo Rubens, foi o filhinho de Luana, que tem 5 anos.
"Ele estava chorando muito e eu achei que estava com medo dos policiais, mas ele disse que o choro era de felicidade", relatou.
Antes do pedido
Rubens e Luana namoram há oito meses. Ele mora em Sorriso e ela em Lucas do Rio Verde. São 60 quilômetros entre uma cidade e a outra.
Rubens vai muito à cidade vizinha para encontrar amigos, e assim, conheceu Luana. Quando decidiram o que fariam no natal, ele teve a ideia de fazer o pedido, já que a família estaria reunida.
Logo que chegaram a Denise, ele, que já tinha pensando em ter a participação da Polícia. Foi até o batalhão e combinou a surpresa.
Casamento
Rubens disse que já está pensando na surpresa que fará no dia do casamento. Mas, sobre isso, ele ainda não quer falar.
"Em princípio, a ideia é casar em julho de 2022, mas quero esperar para ter certeza de que a pandemia estará mesmo sob controle", revelou.

Use ← →para continuar navegando

Redação

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.