Inquilino é preso por suspeita de matar proprietário de local que morava em Brasilândia de Minas

Crime ocorreu após uma discussão em uma confraternização na noite da última segunda-feira (27). A Polícia Civil investiga o caso. Um homem de 44 anos morreu após ser esfaqueado na noite da última segunda-feira (27) em Brasilândia de Minas, no Noroeste do Estado. O suspeito do crime é o inquilino da vítima – pessoa que mora em residência alugada – que foi preso ao fugir para Bonfinópolis de Minas, também na mesma região.
De acordo com a Polícia Militar (PM), os militares encontraram o homem caído no chão de uma residência, morto e com ferimentos de faca. Na ocasião, a companheira dele, de 33, disse que presenciou o crime e que o autor era o inquilino, que tem 27 anos.
Em conversas com a PM, ela contou que uma confraternização era realizada e bebida alcoólica consumida. Em um momento, a vítima e o suspeito tiveram um desentendimento e o rapaz questionou se o homem iria mandar ele embora da casa alugada. O motivo não foi divulgado.
Ainda segundo os militares, quando o homem e a esposa iam embora da festa, o suspeito pediu para ele esperar, pegou uma faca e deu um golpe na vítima. A mulher correu para o vizinho e não soube explicar o que ocorreu depois.
Suspeito é preso
Após identificação do jovem, os militares começaram as diligências. Eles receberem a informação de que o suspeito ia para Riachinho de Minas, mas antes passaria por Bonfinópolis de Minas.
O rapaz tentou ir de carro, mas o veículo ficou sem gasolina. Então, andou até uma fazenda e pediu uma moto emprestada e informou que um parente havia falecido.
Após procura, o suspeito foi localizado, preso e encaminhado até a delegacia da Polícia Civil. Em nota, a corporação informou que o jovem foi ouvido, teve a prisão ratificada e encaminhado ao sistema prisional. A investigação do crime prossegue.
VÍDEOS: veja tudo sobre o Triângulo, Alto Paranaíba e Noroeste de Minas

Use ← →para continuar navegando

Redação

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.