Defesa Civil do DF arrecada doações para vítimas de enchentes na Bahia; veja como ajudar

Defesa Civil do DF arrecada doações para vítimas de enchentes na Bahia; veja como ajudar


Donativos podem ser doados, a partir desta terça-feira (28), em qualquer unidade da Polícia Militar, Polícia Civil, Corpo de Bombeiros ou na sede da Defesa Civil, no SIA. Defesa Civil do DF está arrecadando doações para municípios da Bahia afetados pelas enchentes
Defesa Civil/Divulgação
A Defesa Civil do Distrito Federal iniciou, nesta terça-feira (28), campanha de arrecadação de donativos para os municípios em situação de emergência na Bahia. Podem ser doados produtos de higiene pessoal e limpeza, alimentos não perecíveis, cobertores, roupas e garrafas de água potável.
Até a manhã desta terça, as chuvas na Bahia já tinham deixado 20 mortos e afetado mais de 470 mil pessoas (veja mais abaixo).
LEIA TAMBÉM
ENCHENTES NA BAHIA: Desabrigados após chuvas na BA passam de 30 mil; estado registra 20 mortes e 470 mil afetados
AJUDA: Corpo de Bombeiros do DF envia equipes para ajudar no resgate de vítimas
SOLIDARIEDADE: Saiba como ajudar moradores das cidades afetadas pelas chuvas na Bahia
As doações podem ser entregues em qualquer unidade do Corpo de Bombeiros, da Polícia Militar, da Polícia Civil ou na sede da Defesa Civil, localizada no Setor de Indústria e Abastecimento (SIA), Trecho 6.
O órgão solicita que sejam observadas a data de validade dos produtos doados e que as peças de vestuário e cobertores sejam entregues limpas e em embalagens plásticas. Os donativos vão ser enviados para Bahia a partir de segunda-feira (3).
A campanha de arrecadação de doações é uma parceria da Defesa Civil com a PMDF, PCDF, Corpo de Bombeiros Militar do Distrito Federal (CBMDF) e a Secretaria de Segurança Pública do DF.
Corpo de Bombeiros e PM ajuda no socorro às vítimas
Na segunda-feira (27), o Corpo de Bombeiros Militar do Distrito Federal informou que 20 militares da corporação foram enviados para ajudar no socorro, resgate e salvamento das vítimas das enchentes. A PM também enviou cinco militares para a operação.
De acordo com os bombeiros, a equipe enviada têm especializações em salvamento e resgate. A corporação também enviou dois caminhões, quatro caminhonetes e quatro embarcações.
Desde o fim de semana, várias unidades da federação enviaram equipes à região para ajudar no resgate de vítimas. Segundo o Corpo de Bombeiros da Bahia, a força-tarefa também é composta por bombeiros militares da Bahia, Ceará, Espírito Santo, Minas Gerais, São Paulo, Rio Grande do Norte, Maranhão, Paraíba, Sergipe e Alagoas.
Em uma publicação em uma rede social, o governador do Distrito Federal, Ibaneis Rocha (MDB), manifestou solidariedade às vítimas dos temporais na Bahia na última segunda. Ele reforçou "toda solidariedade do GDF às vítimas dessa tragédia e seus familiares".
Publicação do governador Ibaneis Rocha em solidariedade à vítimas das enchentes na Bahia
Twitter/Reprodução
Enchentes na Bahia
Os temporais que caíram nos últimos dias na Bahia deixaram 100 cidades em estado de emergência. Ruas, casas e condomínios ficaram alagados. De acordo com dados enviados pelas prefeituras e divulgados pela Superintendência de Proteção e Defesa Civil da Bahia, na tarde de segunda-feira, cerca de 31,4 mil pessoas estão desabrigadas e 31,3 mil desalojadas.
Governo da Bahia decreta situação de emergência para mais 47 cidades atingidas pelas enchentes
Governo da Bahia/Divulgação
As fortes chuvas foram causadas pela Zona de Convergência do Atlântico Sul (ZCAS), segundo informações do Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet). Esse sistema é formado por uma faixa de nuvens que se estende do sul da região amazônica até a área central do Atlântico Sul. Com isso, a umidade da Amazônia é canalizada para a Bahia.
Leia mais notícias sobre a região no g1 DF.

Use ← →para continuar navegando

Redação

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.