Curso gratuito de agropecuária de precisão do Instituto Técnico de Agropecuária e Cooperativismo em Pitangui é oficializado

Curso gratuito de agropecuária de precisão do Instituto Técnico de Agropecuária e Cooperativismo em Pitangui é oficializado


De acordo com a Epamig, o credenciamento também possibilita a oferta de cursos de pós-graduação nas modalidades Lato Sensu e Stricto Sensu. Instituto Técnico de Agropecuária e Cooperativismo em Pitangui em imagem de arquivo
Epamig/Divulgação
O Conselho Estadual de Educação de Minas Gerais (CEE) oficializou o credenciamento dos institutos técnicos ligados à Empresa de Pesquisa Agropecuária de Minas Gerais (Epamig) à Rede Estadual de Ensino Superior. Com isso, a partir de 2022, o Instituto Técnico de Agropecuária e Cooperativismo (ITAC), em Pitangui, poderá ofertar o curso gratuito de agropecuária de precisão.
LEIA TAMBÉM:
Instituto Técnico de Agropecuária e Cooperativismo recebe autorização para ofertar cursos superiores em Pitangui
A oficialização foi realizada na última sexta-feira (3) e a informação divulgada nesta terça-feira (7). O Instituto de Laticínios Cândido Tostes (ILCT), em Juiz de Fora, também teve o curso tecnologia em laticínios oficializado na ocasião.
De acordo com a Epamig, o credenciamento também possibilita a oferta de cursos de pós-graduação nas modalidades Lato Sensu e Stricto Sensu pelos dois institutos. As opções para a grade Lato Sensu poderão ser ofertadas a partir do segundo semestre de 2022.
"Com essa autorização, nossas unidades de ensino evoluem para outro patamar, o que terá impacto positivo na Empresa como um todo. As duas atividades são complementares. O ensino superior abre novos campos para a pesquisa e a pesquisa contribui para a excelência do ensino”, afirmou a diretora-presidente da Epamig, Nilda Ferreira Soares.
O curso
Em Pitangui, o curso de agropecuária em precisão será o primeiro sobre este tema no Brasil, segundo a Epamig.
"Trata-se de um curso em Agropecuária que incorpora conteúdos teóricos e práticos voltados para os mais modernos conceitos da agricultura e da pecuária de precisão. É uma área nova, necessária e inovadora para o agronegócio de Minas Gerais e do Brasil", explicou o coordenador pedagógico da Epamig, Frederico Passos.
O curso ofertará, anualmente, 40 vagas. Os interessados em participar passarão por processo seletivo, com editais próprios que serão disponibilizados no mês de janeiro de 2022 pelo site.
A classificação utilizará a nota do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem). O Regime Acadêmico será semestral, em tempo integral, em cinco semestres letivos. O curso será presencial e o estágio supervisionado poderá ser realizado no sexto semestre do curso.
VÍDEOS: veja tudo sobre o Centro-Oeste de Minas:

Use ← →para continuar navegando

Redação

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.