Conselho Municipal de Transparência de Londrina aponta divergência de R$ 95 milhões nas contas da prefeitura

Conselho Municipal de Transparência de Londrina aponta divergência de R$ 95 milhões nas contas da prefeitura


Câmara Municipal e MP investigam a diferença de valores apontados pelos sistemas fiscal e contábil do município. Prefeitura tem 15 dias para responder questionamento dos vereadores. Vereadores de Londrina pedem explicações sobre divergência de R$ 95 milhões nas contas
O Conselho Municipal de Transparência e Controle Social de Londrina (CMTCSL) protocolou na Câmara Municipal um pedido de esclarecimento para a prefeitura sobre uma divergência de R$ 95 milhões nas contas do município.
O protocolo aconteceu no dia 30 de novembro e os vereadores estão analisando o documento. O caso também está sendo investigado pela 4ª Promotoria do Patrimônio Público do Ministério Público do Paraná (MP-PR).
Segundo o Conselho, existe uma diferença de valores injustificada entre os sistemas tributário, que leva em conta a arrecadação da cidade, e contábil do município.
A administração municipal tem 15 dias para responder o pedido dos vereadores
Emerson Dias/Prefeitura de Londrina/Divulgação
De acordo com o presidente da Câmara Municipal, Jairo Tamura (PL), a denúncia foi acatada pela Comissão de Finanças da casa, que pediu que a prefeitura preste informações e documentação sobre as contas do município.
A administração municipal tem 15 dias para responder o pedido dos vereadores.
A RPC aguarda o retorno da Prefeitura de Londrina sobre o caso.
VÍDEOS: Mais assistidos do g1 PR
Veja mais notícias da região em g1 Paraná

Use ← →para continuar navegando

Redação

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.