Casal é roubado após pneu de veículo furar em rodovia do interior de SP

Casal é roubado após pneu de veículo furar em rodovia do interior de SP


Crime ocorreu na altura de Cajati (SP) e a Polícia Rodoviária Federal conseguiu recuperar o celular e dinheiro roubados das vítimas. Crime ocorreu na altura de Cajati (SP) e a Polícia Rodoviária Federal conseguiu recuperar o celular e dinheiro roubados das vítimas
Divulgação/PRF
Um casal foi assaltado na Rodovia Régis Bittencourt (BR-116), na altura de Cajati, interior de São Paulo, após o pneu do veículo em que estavam furar e as vítimas serem abordadas por dois assaltantes nesta quarta-feira (8). A Polícia Rodoviária Federal (PRF) conseguiu recuperar o celular e o dinheiro roubados e prendeu um suspeito por receptação.
O crime ocorreu por volta das 19h desta quarta. Uma equipe da PRF realizava ronda no Km 487 da rodovia, quando as vítimas, que se encontravam no ponto de apoio da concessionária, sinalizaram solicitando apoio à viatura.
Ao se aproximar do casal, os policiais notaram que o homem e sua esposa estavam agitados e assustados, informando que alguns minutos antes daquele momento, deslocavam-se de Jacupiranga para Cajati, ambas cidades no Vale do Ribeira, e acabaram passando sobre pedras pontiagudas. Com isso, os pneus do veículo furaram e eles pararam no acostamento.
Segundo as vítimas relataram aos policial, nesse momento, dois suspeitos encapuzados aproximaram-se do veículo e anunciaram o assalto, roubando seus pertences, sendo um celular e a carteira do condutor com seus documentos e o valor em espécie de R$600. Em seguida, os criminosos fugiram em direção a Cajati, com suas bicicletas.
Após saber do ocorrido, a equipe da PRF iniciou diligências pela cidade para localizar os suspeitos. Ao chegar na região de um conjunto habitacional, os policiais localizaram um suspeito que, ao ver a viatura passar em frente a sua casa, esperou alguns minutos e correu para outra rua, onde escondeu um objeto em frente a outra residência.
Ao observar a ação, a equipe foi até o local e encontrou o celular do mesmo modelo do roubado e confirmou que se tratava do mesmo aparelho. Segundo a PRF, o suspeito só falou do motivo de portar aquele telefone ao chegar na delegacia, e relatou à Polícia Civil que seu vizinho havia jogado o celular em frente à sua casa e, com receio de ter problemas, correu para esconder o aparelho, que afirmou nunca ter visto.
O suspeito foi preso em flagrante pelo crime de receptação, mas foi liberado posteriormente após o pagamento de fiança.
VÍDEOS: as notícias mais vistas do g1

Use ← →para continuar navegando

Redação

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.