Bombeiros realizam buscas a vereador e amigo após naufrágio em rio no Pará; filho e mulher do político morreram

Naufrágio ocorreu em Xinguara no fim de semana. Cinco pessoas se salvaram, duas morreram e duas seguem desaparecidas. Bombeiros fazem buscas por desaparecidos em naufrágio no Pará
Uma embarcação com nove pessoas afundou no fim de semana e deixou vítimas em Xinguara, no Sul do Pará, a quase 800 quilômetros de Belém. Nesta segunda-feira (6), o corpo de bombeiros realizam buscas a um vereador e o amigo dele que estão desaparecidos no rio Araguaia.
Duas morreram: a mulher e um filho do vereador da cidade. Outras cinco pessoas se salvaram.
A Capitania dos Portos da Amazônia Oriental (CPAOR) informou em nota que vai instaurar inquérito para "apurar possíveis causas e responsáveis pelo ocorrido".
Segundo a Polícia Militar, o naufrágio ocorreu no sábado (4) após um vento forte. O condutor da embarcação, conhecida como voadeira, teria perdido o controle após passar por uma parte mais agitada do rio e a embarcação afundou, a cerca de 400 metros da margem.
Na embarcação estavam seis adultos e três crianças: o vereador de Xinguara, Maurisan Alves, dois filhos dele, a mulher , Simone Amparo, e amigos do casal. A suspeita é que todos estivessem sem colete salva-vidas.
Ainda conforme a polícia, o corpo da mulher do vereador e de um filho dele, de 6 anos, foram localizados no fim de semana pelas equipes de buscas.
O vereador e um amigo dele seguem desaparecidos e são procurados na manhã desta segunda. Moradores da região também estão mobilizados nas buscas.
A Capitania dos Portos e a PM não informaram como os cinco sobreviventes conseguiram se salvar.
VÍDEOS com as notícias dobre o Pará
Veja outras notícias no g1 Pará

Use ← →para continuar navegando

Redação

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.