1,8 mil pacientes com síndromes gripais foram atendidos em Aracaju nas últimas 24 horas

1,8 mil pacientes com síndromes gripais foram atendidos em Aracaju nas últimas 24 horas


Orientação é que pessoas com quadros leves devem procurar atendimento nas unidades básicas de saúde, para evitar lotar hospitais. Unidade de saúde que atendi casos de síndromes gripais em Aracaju
TV Sergipe/Reprodução
Nas últimas 24 horas, unidades de saúde de Aracaju atenderam 1,8 mil pacientes com síndromes gripais, de acordo com informações divulgadas pela Secretaria da Saúde do município nesta terça (28). No domingo (26), foram 793 atendimentos.
Vírus da gripe influenza A H3N2 circula em mais de 30 municípios sergipanos
Pessoas com quadros leves devem procurar atendimento nas unidades básicas de saúde, para evitar lotar hospitais, conforme orientou a secretária da Saúde da capital, Waneska Barboza.
“A maioria tem sintomas muito leves, e nem precisaria estar numa unidade hospitalar, mas a gente percebe que as pessoas estão com medo. Casos leves devem procurar as unidades básicas de saúde. A prioridade é para quem precisa mais”, disse.
O número de leitos para as síndromes gripais foi ampliado de seis para 13na capital. No momento, 11 pessoas estão internadas – a maioria idosos.
"Estamos trabalhando para ampliar mais leitos no [hospital] Fernando Franco, e se houver necessidade, no Nestor Piva. A gente também já está trabalhando para a ampliação de profissionais. Ocorre que os profissionais também estão adoecendo", informou Barboza.
Até o momento, Aracaju registrou 14 casos de Influenza H3N2 e, por enquanto, conta com um índice de infecção de transmissão de 2,43%, considerado de média transmissibilidade.

Redação

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *